em

Mulheres usam pelo menos 168 químicos por dia em rotina de beleza

São pelo menos 12 produtos de beleza diários; veja quais riscos essas substâncias oferecem e como identifica-las.

substâncias químicas nos produtos
Crédito: Pxhere

A indústria da beleza cria uma ideia de que as mulheres precisam sempre de produto novo, seja ele um batom, um xampu ou simplesmente um desodorante. Segundo informações da EWG (Environmental Working Group), uma mulher utiliza, em média, 12 produtos de beleza diariamente, desde aqueles para higiene e cuidados pessoais até cosméticos.

Esses produtos contém pelo menos 168 substâncias químicas. Nem mesmo os homens estão livres da exposição: em média, os produtos usados diariamente por eles possuem 85 dessas substâncias.

Quais são as substâncias químicas presentes nos produtos?

Essa exposição tem seu preço: pesquisadores da Herb Research Foundation apontaram que as células da pele absorvem até 60% dos produtos químicos que entram em contato, o que os leva diretamente para a corrente sanguínea.

O problema é que essas substâncias não são compreensíveis para o público leigo, e muitas vezes vem descritas de forma incompreensível na bula dos produtos. Para lhe ajudar, veja alguns dos principais ingredientes presentes nos produtos e a forma como são comumente descritos, além dos riscos que oferecem ao organismo.

Formaldeídos (quaternium-15, diazolidinyl urea, DMDM hydantoin, bronopol ou imidazolidinyl urea)

Encontrado em: esmaltes e produtos para unha, tintura de cabelo, produtos para alisamento
capilar, adesivos para cílios postiços e xampus.

Riscos: associado à casos de câncer.

Parabenos (propyl-, isoproyil-, butyl- e isobutyl-)

Encontrado em: produtos de beleza diversos, desde maquiagem até desodorantes, xampus e
hidratantes.

Riscos: usado como conservante, está associado ao crescimento de células responsáveis pelo câncer de mama, pois possui estrutura semelhante ao estrogênio e acaba por imitar os efeitos do hormônio no corpo.

Em homens, os produtos à base de parabenos podem gerar menor contagem de espermatozoides e menor quantidade de testosterona.

Etalominas, (diethanolamine [DEA], monoethanolamine [MEA] e triethanolamine [TEA])

cremes com substâncias químicas
Crédito: Pxhere

Encontrado em: sabonetes, xampus, condicionares, tinturas de cabelo, loções, cremes de
barbear, delineadores, rímeis, sombras, blush, perfumes e protetores solares.

Riscos: a presença de nitrosamina, um composto químico associado ao surgimento de
câncer em testes com animais, é o que provoca o surgimento dessa substância, que é tóxica para a pele e nociva para os órgãos que compõem o sistema respiratório.

Oxibenzona (benzophenone), homosalato e octinoxate (octyl methoxycinnamate)

Encontrado em: protetores solares e outros produtos.

Riscos: associados a reações alérgicas e casos de endometriose, pois são capazes de imitar a ação dos hormônios femininos.

Nos homens, pode gerar baixa contagem de espermatozoides e infertilidade, além de câncer em ambos os gêneros. A oxibenzona também é facilmente absorvida pelo corpo e se acumula no tecido adiposo.

Hidroquinona (tocopheryl acetate)

Encontrado em: produtos que clareiam a pele

Riscos: pode provocar ocronose, uma doença de pele que causa lesões irreversíveis, além de estar associado ao câncer de pele devido ao acumulo da substância.

Hidroxianisol butilado (BHA)

maquiagem com substâncias químicas
Crédito: Pxhere

Encontrado em: cosméticos e produtos de higiene pessoal, principalmente batons e sombras
para olhos.

Riscos: potencial carcinógeno humano, além reduzir a presença da testosterona no corpo e da tiroxina, hormônio da tireoide. Em testes com ratos, afetou a qualidade do esperma e os órgãos sexuais.

Hidroxianisol butilado (BHA)

Encontrado em: cosméticos e produtos de higiene pessoal, principalmente batons e sombras
para olhos.

Riscos: potencial carcinógeno humano, além reduzir a presença da testosterona no corpo e da tiroxina, hormônio da tireoide. Em testes com ratos, afetou a qualidade do esperma e os órgãos sexuais.

Triclosan e triclocarban

Encontrado em: produtos antibacterianos.

Riscos: podem provocar alterações endócrinas, como puberdade precoce, esperma de má qualidade, infertilidade e câncer. Em crianças, as chances de desenvolver asma, alergias e eczema, são maiores.

Tolueno (methylbenzene)

Encontrado em: produtos para unha e tintas capilares.

Riscos: é de caráter neurotóxico e pode provocar problemas respiratórios, náuseas e alguns tipos de câncer.

Mica, sílica (cristalina), talco (com amianto) e dióxido de titânio nanoparticulado (TiO2: nanoparticled titanium dioxide)

esmaltes com substâncias químicas

Crédito: Pxhere

Encontrado em: produtos diversos.

Riscos: em loções e cremes não oferecem riscos, mas sob a forma de pós ou sprays contém partículas que podem ser inaladas e alojadas nos pulmões, o pode levar a doenças respiratórias.

Methylisothiazolinone, methylchlorothiazolone e benzisothiazolinone (2-methyl- 4-isothiazolin-3-one, preservative Neolone 950, MI, OriStar MIT e Microcare MT, 5-Chloro-2-methyl-4- isothiazolin-3-)

Encontrado em: produtos líquidos, como xampus, condicionadores, tinturas de cabelo, sabonetes, protetores solares, cremes para barbear, removedores de maquiagem e produtos de higiene para bebês.

Riscos: podem provocar reações alérgicas e afetar os pulmões e as funções neurológicas.

Resorcinol (1,3-benzenodiol, resorcina, 1,3-di-hidroxibenzeno, m-hidroxibenzo, m-di-hidroxifenol)

Encontrado em: tinturas de cabelo, xampus e produtos contra acne.

Riscos: podem provocar alergia e irritações na pele; em alguns casos, o sistema imunológico e a tireoide podem ser afetados.

Carbono preto (D&C Black No. 2, black channel, acetylene black, black oven, black lamp e black thermal)

Encontrado em: maquiagens e esmaltes.

Riscos: está associado a casos de câncer e pode ser tóxico para diversos órgãos.

P-fenilenodiamina (4-aminoanilina, 1,4-benzenodiamina, p-diaminobenzeno, 1,4-diaminobenzeno, 1,4-fenilenodiamina)

perfumes com substâncias químicas
Crédito: Pxhere

Encontrado em: tintas de cabelo.

Riscos: é tóxico para a pele e para os órgãos, além de estar associado a casos de câncer e alteração do material genético das células.

Teflon (polytetrafluoroethylene [PTFE], polypropluoromethylisopropyl ether, perfluoroalkylethyl phosphate DEA-C8-18)

Encontrado em: maquiagens.

Riscos: pode estar contaminado com PFOAs, o que aumenta o risco de câncer e alterações hormonais.

Acrilamida (polyacrylamide, polyacrylate, polyquaternium, acrylate)

Encontrado em: maquiagens, cremes, loções, protetores solares e produtos para o cabelo.

Riscos: pode provocar câncer. Em estudos com animais a substância foi associada à riscos de infertilidade.

Fenoxietanol (Euxyl K® 400 e PhE)

Encontrado em: produtos de cuidados pessoais, como desodorantes, lenços umedecidos, desinfetantes para mãos e pastas de dentes.

Riscos: pode provocar uma série de problemas de saúde, desde alergias de pele e eczema até reações alérgicas potencialmente fatais e danos ao sistema nervoso central.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0

Comentários

comentários

câncer de mama masculino

Sintomas e tratamento do câncer de mama masculino

por que tirar a maquiagem

Entenda por que tirar a maquiagem antes de dormir é essencial