em

Mioma uterino de 28 kg é retirado de paciente em Cingapura

Conheça esse caso surpreendente até mesmo para a medicina!
Crédito: Pxhere

Todos os dias aparecem por aí histórias que assustam até os mais preparados dos profissionais de medicina. Recentemente surgiu na internet o caso de uma mulher de 53 anos em Cingapura que foi diagnosticada com um mioma uterino de 28 kg e de incríveis 64 centímetros.

Como a paciente desenvolveu esse mioma uterino de 28 kg

Para quem não sabe, um mioma uterino é um tipo de tumor que aparece no útero das mulheres. Ele é benigno e não costuma dar qualquer problema quando encontrado cedo. Esse tipo de mioma se desenvolve normalmente em período fértil e pode causar alguns sintomas incômodos, como: aumento do fluxo menstrual, dores nas relações sexuais, aumento do desejo de urinar e, em casos extremos, infertilidade.

Há vezes, no entanto, que é assintomático. Nesses casos, pode ser diagnosticado porque a mulher apresenta um inchaço abdominal característico. Ainda assim, os miomas uterinos costumam ser mesmo pequenos e raramente chegam ao tamanho de 64 centímetros!

A paciente em Cingapura, que não teve o nome divulgado, demorou a procurar os médicos por medo de ter que passar por uma cirurgia. Ela somente foi ao hospital quando o peso do mioma começou a dificultar sua locomoção e começou a provocar terríveis dificuldades para respirar. Durante um bom tempo a paciente ficou acamada por não conseguir se mexer.

Como foi feita a remoção do mioma

mioma uterino
Crédito: O Globo

Os médicos precisaram fazer uma histerectomia abdominal total. Infelizmente isso significa que a paciente perdeu útero, ovários e trompas. Os profissionais classificaram o mioma como gigante, visto que tinha mais de 11 quilos. Ele estava em toda a cavidade abdominal da mulher e se estendia até o osso esterno.

Foi necessária uma cirurgia plástica para reconstruir a parede abdominal da paciente, já que ela havia afinado e se esticado devido ao crescimento do mioma. Hoje ela passa bem e se encontra em ótimo estado de recuperação.

De acordo com a médica responsável pelo caso, Poh Ting Lim, os miomas crescem cerca de 9% a cada seis meses. Após a menopausa, no entanto, a tendência é que diminuam de tamanho. Não foi o caso da paciente, que viu seu mioma crescer por 5 anos, de acordo com as estimativas da médica.

A paciente só não teve dificuldades para se alimentar e para urinar ou evacuar porque seu corpo foi se adaptando ao mioma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0
Comentários
limonada com gengibre
Limonada com gengibre: benefícios e como fazer
sair da casa dos pais
Quando é a hora certa de sair da casa dos pais?