melhores novelas
Crédito: Tv Globo
em

Eleitas as melhores novelas em 70 anos

A primeira novela da TV brasileira foi ao ar há setenta anos. Você se lembra qual foi? E qual é a sua preferida?

Publicidade

Foi no ano de 1951, mais precisamente no dia 21 de dezembro, que a primeira novela da televisão brasileira foi ao ar. Na época ainda não tinha a Rede Globo. Quem é daquele tempo, se lembra que o canal era a TV Tupi, já extinta. O nome da novela era Sua Vida me Pertence”. Mas, apesar de marcante, essa não foi a trama que entrou no ranking das melhores novelas nos últimos 70 anos. Veja quais foram as campeãs.

Ranking pela comemoração dos 70 anos das novelas brasileiras

Mesmo com outros canais de televisão passando novelas, não dá para negar que as novelas da Globo sempre foram as preferidas.

E para comemorar esses 70 anos de novelas tão amadas pelo povo brasileiro (e de outros países onde são reprisadas), a equipe do jornal O Globo fez uma enquete.

Eles pediram a opinião de atores, diretores, autores, jornalistas e músicos para chegar ao ranking das melhores novelas das últimas sete décadas. Veja se você concorda com o resultado.

Publicidade

Entre as 37 novelas citadas, a campeã, com 10 votos, foi “Roque Santeiro”, que estreou na Globo em 1985.

O segundo lugar foi para “Vale tudo” (1988), com 5 votos.

Em terceiro lugar, empataram “Que Rei Sou Eu?” (1989), “Renascer” (1993) e “Avenida Brasil” (2012), com 4 votos cada uma.

Publicidade

Veja também: Você seguia essas modas que as novelas inventaram?

Relembre alguns personagens das eleitas como melhores novelas dos últimos 70 anos, assistindo aos vídeos abaixo:

Roque Santeiro

— O texto de Dias Gomes para “Roque Santeiro” e os personagens tão brasileiros criados por ele são um retrato fiel e bem-humorado do Brasil, é uma obra completa. — diz a atriz Patricia Pillar, justificando seu voto na trama, com a qual estreou em novelas.

Publicidade

Vale tudo

— “Vale tudo” é um espetacular show da maldade humana, do cinismo e da ambição, em que o mal quase sempre faz o bem de bobo, como na vida real, e especialmente naquele momento de raiva e desencanto do Brasil de 1988 — aponta Nelson Motta, jornalista, compositor e colunista de O Globo.

Publicidade

Que Rei Sou Eu?

— Cassiano Gabus Mendes criou um reino imaginário e, através dessa fantasia rasgada, conseguiu falar da realidade do Brasil — lembra Marieta Severo, parte do elenco que também tinha Edson Celulari e Tereza Rachel, todos dirigidos por Jorge Fernando.

Renascer

Benedito Ruy Barbosa começou a desenvolver o projeto dessa novela 20 anos antes, com uma viagem pelo sertão baiano coletando histórias. A trama estrelada por Antonio Fagundes, Marcos Palmeira, Adriana Esteves e Osmar Prado teve direção de Luiz Fernando Carvalho, que na época chamou atenção por trazer uma linguagem de cinema para a TV.

Publicidade

Avenida Brasil

Em 2012, trazendo para primeiro plano a classe média suburbana que ascendia, outro fenômeno tomou conta do país. Cheia de reviravoltas e com uma linguagem inovadora, “Avenida Brasil” virou assunto obrigatório entre o público, vidrado na vingança de Rita (Débora Falabella) contra a madrasta Carminha (Adriana Esteves).

Publicidade

Artigo com informações de O Globo

Limpeza de eletrodoméstico

Limpeza de eletrodoméstico: Dicas para 7 aparelhos

cabeça d'água

Saiba o que é cabeça d’água: um fenômeno natural perigoso