em

TristeTriste

Mãe sofre aborto e compartilha fotos do seu feto nas redes sociais

A americana perdeu seu bebê e decidiu mostrar ao mundo o quão formado um feto de 14 semanas pode ser

Mãe sofre aborto e compartilha fotos do seu feto nas redes sociais
Crédito: Pixabay

Ser mãe, para muitas mulheres, é um sonho muito grande, quase uma missão. Para outras, que não estão erradas, isso não é tão necessário. Sharran Sutherland, que já é mãe de 11 crianças, teve um aborto espontâneo e resolveu compartilhar fotos do seu feto de 14 semanas. As imagens podem ser fortes.

A americana diz que seu objetivo é desencorajar mulheres a fazerem abortos propositais, ignorando o fato de que mulher nenhuma escolhe abortar apenas por um capricho.

Existem causas e motivos desconhecidos, que somente cada pessoa pode saber, sendo extremamente desnecessário julgar as mulheres que já passaram pela triste experiência.

Entenda a história

Sharran e seu marido, Michael, receberam a triste notícia de que o coração do seu bebê tinha parado de bater, ainda na barriga da mãe, em estágio inicial.

Foi recomendada, como de praxe, a eliminação do mesmo, para evitar problemas. Porém Sharran sabia como era feita essa eliminação e ela decidiu que não queria seu bebê em pedaços.

Dessa forma, ela optou por esperar e tentar eliminá-lo naturalmente, o que ocorreu um pouco depois. Novamente, o médico deu a opção de eliminar o feto como lixo médico, mas ela não queria isso para seu bebê.

Sharran e Michael levaram o bebê para casa, mas não puderam o registrar, pois não tinha ainda 20 semanas de vida. Era um bebezinho de cerca de 26 gramas e 10 centímetros que, depois de 14 semanas, tinha pés, mãos e membros.

Ela não poderia simplesmente jogá-lo fora, mas um funeral lhe pareceu um tanto exagerado. Assim, eles decidiram que iriam fazer um gesto de vida e renascimento e o plantaram em um vaso de flores.

Antes disso, ele ficou por uma semana em uma salmoura, na geladeira, para que os pais pudessem processar o luto. “Eu sei que isso parece mórbido para a maioria das pessoas, mas eu não queria que ele entrasse em decomposição ou tivesse cheiro. Eu não sabia mais o que fazer. Nós não estávamos prontos para enterrá-lo”, disse ela.

Publicações nas redes sociais

Ao ver que seu bebê estava todo formado e só precisava crescer e desenvolver outros pontos, ela decidiu compartilhar a experiência, para estimular a vida.


Em sua página no Facebook, fez um post falando sobre a gravidez, expectativa e tristeza. Falou também do quão bem formado o bebê estava.

Isso levou à discussão sobre aborto e o momento preciso em que uma junção de óvulo e espermatozoide passa a ser um bebê. Infelizmente, levou a comentários controversos e desrespeitosos também.

Dessa forma, ela manteve a foto, porém editou o texto, apagando tudo e deixando apenas o registro do seu filho, que infelizmente não teve a oportunidade de ver crescer. Sharran, que diz viver sob a vontade divina, tem seu direito de escolher ter quantos filhos quer ter, assim como as mulheres que não têm esse desejo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

motorista de empilhadeira faz um depósito inteiro cair como dominó

Motorista de empilhadeira faz um depósito inteiro cair como dominó

tipos de orquídeas

10 Tipos de orquídeas que você precisa conhecer