luto de gato
Crédito: Freepik
em

Luto de gato: como os felinos lidam com a perda uns dos outros?

Não é só você que fica triste quando um dos seus gatinhos falece

Publicidade

Perder um gatinho de estimação é uma grande tristeza para um humano. Mas, e quando existem outros gatos em casa, você já parou para pensar em como eles se sentem quando um companheiro morre? Saiba agora como é o luto de gato para entender e respeitar esse momento deles.

Veja também: Como lidar com seu luto por um animal de estimação?

Como é o luto de gato?

Assim como os humanos vivem o luto de forma particular, os gatos não agem todos da mesma forma quando estão de luto. Apesar disso, existem algumas características que eles têm em comum.

Saber disso irá permitir identificar o luto de gato e ajudá-lo a lidar melhor com o momento de saudade e tristeza. Em uma fase de luto, seu gatinho poderá apresentar esse sinais:

Publicidade
  • Apatia
  • Falta de interesse pelas coisas que gosta
  • Perda do apetite
  • Sonolência excessiva
  • Desânimo para brincar
  • Alta vocalização no caso de gatos silenciosos; ou baixa vocalização no caso de gatos que miam muito

Como viu, esses são sinais de tristeza e saudade, semelhantes ao que os humanos também demonstram quando estão se sentindo tristes, perdidos e desolados.

Como ajudar um gatinho de luto?

O luto não tem data para terminar. Cada humano e cada gato lidam com a perda de uma forma diferente e única, e cada um tem seu tempo de cura. Lembre-se que, quanto mais companheiros eram os gatos, mais falta vai sentir o gatinho que ficou. Então apenas tenha paciência, ofereça o seu apoio e amor para ele se sentir acolhido.

Esteja presente durante o luto de gato

Um morador da sua casa partiu, e todos os outros ficaram tristes. A melhor coisa a fazer nesse momento é unir forças. Ofereça o seu amor ao gatinho ou aos gatinhos que ficaram de luto. Esteja por perto, oferecendo o aconchego que antes era oferecido pelo gatinho que faleceu.

Publicidade

Mantenha a rotina

Apesar do luto, não há motivos para modificar a rotina dos gatos que ficaram. Eles gostam de ter uma rotina, de saber o que esperar, e isso é importante para ajudá-los a lidar com o luto de gato. Mantenha o local de dormir, comer e fazer as necessidades. Mantenha os horários e as atividades.

Ofereça estímulos positivos

Por mais que um gato enlutado queira ficar quieto na dele, é importante mostrar que ele não está sozinho e que a vida continua. Mesmo que ele vá ignorar seus convites para brincar nos primeiros dias, continue se dispondo a brincar e fazer atividades para melhorar o humor de todos em casa (humanos, gatos e outros pets).

Adotar outro gatinho pode ser bom

Se o seu gato ficou sozinho depois que o outro partiu, pode ser uma boa ideia adotar um novo gatinho. Espere alguns dias após o falecimento do seu gato e considere adotar um gatinho que esteja precisando de amor e proteção. Cada um vai oferecer o que pode para o outro, e todos vão ficar mais felizes.

Publicidade

Se o luto de gato demorar muito, fale com o veterinário

Se, mesmo depois de muitos dias, paciência e estímulos, notar que seu gato está muito apático, leve-o ao veterinário. Os gatos também podem ter depressão e é o médico quem vai saber identificar os sintomas e prescrever o tratamento mais adequado.

Veja também: Gato agressivo: quais os motivos e como lidar?

roteador

Como ativar o roteador portátil do celular para emprestar wi-fi?

pele de frango frita

Pele de frango frita: aprenda a fazer esse petisco delicioso