isolamento acústico residencial
Designed by Freepik
em

Isolamento acústico residencial: Como e por que fazer?

Pare de incomodar e de ser incomodado pelos ruídos vizinhos e da rua.

Você sofre com os barulhos vindos do vizinho ou recebe reclamações dos barulhos vindos da sua casa? Isso realmente é um incômodo, então, veja como fazer isolamento acústico residencial e acabar com o problema.

Antigamente as casas eram feitas com paredes grossas para serem mais resistentes, o que também acabava influenciando no isolamento acústico de melhor qualidade, bem como na temperatura no interior da residência.

Mas com o passar dos anos, as construções foram ficando mais econômicas, especialmente por parte das construtoras de condomínios, que passaram a utilizar materiais mais finos e ocos para fazer toda a estrutura.

Como resultado, a maioria dos sons emitidos dentro de casa podem ser ouvidos pelos vizinhos, desde uma discussão até a descarga. Além de perder a sua privacidade, ainda precisa compartilhar a vida pessoal com quem está em volta.

Lei do silêncio

Para resolver essa situação, desde 2013 a Associação Brasileira de Normas Técnicas colocou em vigor a Norma Regulamentadora 15.575 que obriga as construtoras a colocarem isolamento acústico residencial nas suas obras.

Mas quando você constrói a sua casa ou está em um prédio antigo que não precisou seguir a Norma regulamentadora, precisa tomar outras providências. Veja as nossas dicas de como fazer isolamento acústico residencial.

Como fazer isolamento acústico caseiro?

Existem muitas formas de fazer um isolamento acústico, passando mais ou menos trabalho, conforme a sua necessidade. Para alguns casos, pequenas mudanças são suficientes.

Durante a construção

Se você estiver construindo, já precisa planejar com o engenheiro sobre o isolamento acústico com antecedência, assim o revestimento utilizado para este fim ficará por dentro das paredes.

Os materiais usados para absorver o som em paredes residências costumam ser mantas acústicas, lã de rocha ou de vidro, vidro duplo nas janelas e uma vedação bem-feita.

Depois da construção

Se você está em uma residência ou apartamento já pronto e não pode mexer na estrutura do local, existem alguns truques que ajudam a aumentar o isolamento acústico residencial. Veja só:

1. Tapetes e móveis

Quanto mais vazio está um ambiente, mais o som vai reverberar pelas paredes. Então, se você colocar tapetes grossos no chão, cortinas grossas e poltronas e quadros nas paredes, vai ajudar muito.

2. Vedação de portas e janelas

As portas e janelas também podem deixar o som escapar se não estiverem bem vedadas. Nesse caso, a melhor recomendação seria uma pequena alteração estrutural, se for possível. A ideia é trocar janelas e portas por caixilhos acústicos de PVC que não deixam o ruído passar.

3. Paredes

Se não houver como colocar um revestimento por dentro das paredes, aposte em painéis de madeira, um revestimento de gesso acartonado ou tapetes de parede.

4. Piso

Quando você percebe que há ruído vindo do piso do vizinho de cima, você descobre que o vizinho de baixo provavelmente também está ouvindo cada passo que você dá dentro de casa. Nesse caso a melhor ideia é investir em carpetes, tapetes, piso vinílico ou de madeira, pois os pisos frios realmente causam eco.

No caso de uma reforma para troca de piso, aproveite para fazer o isolamento acústico de forma mais eficaz. Nesse processo, os profissionais vã instalar mantas acústicas entre a laje e o piso. Se possível, evite colocar outro piso frio, preferido laminados.

5. Forro

O forro da casa ou apartamento também pode ser responsável pela entrada e saída de muitos ruídos. Neste caso, você pode instalar forros acústicos pré-fabricados.

Benefícios do isolamento acústico

Morar em um local com bom isolamento acústico traz muito mais tranquilidade e conforto, pois você sabe que não está incomodando ninguém e também não se incomoda com o que está acontecendo em volta.

Além disso, ao isolar o som, os materiais protetores também isolam a temperatura, deixando a casa mais agradável a qualquer época do ano: mais fresca no verão e mais quente no inverno.

Dicas úteis para um bom isolamento acústico

Se você precisa de um isolamento acústico residencial reforçado, o ideal é conversar com um especialista no assunto, como um engenheiro de som, que poderá verificar o local e ajudar você a identificar por onde sai o som.

Assim, você vai fazer um investimento da maneira correta e utilizando os materiais que realmente vão solucionar o problema com ruídos.

Essa análise prévia é importante porque pode acontecer de você achar que o som sai pelas janelas e portas, então vai investir em isolamento para depois descobrir que não resolveu. É preciso pensar no conjunto, isolando todas as áreas possíveis por onde o som pode entrar ou sair.

Cuidado com a umidade

Outra dica importante, caso você já tenha pesquisado e visto pessoas preenchendo um cômodo da casa com caixas de ovos, vamos alertá-lo para um problema.

Se você preencher as paredes um quarto, por exemplo, com caixas de ovos, as paredes vão ficar úmidas e quentes, propícia para o acúmulo de insetos, como baratas. Então, não use esse material e tome cuidado para não abafar paredes úmidas.

Dica: Solução rápida para fazer isolamento acústico residencial

Se você trabalha em casa, tem bebê ou precisa estudar e o barulho da rua incomoda, existe uma solução simples que pode ajudar enquanto você não puder investir em um isolamento fixo. Confira a ideia no vídeo abaixo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0
mudança de casa

Guia completo da mudança de casa sem estresse

flor-de-maio

Aprenda a cultivar e manter a flor-de-maio em casa