em

Professora ensina há 50 anos na mesma sala de aula

Confira a bela história da professora Maria de Lourdes e sua relação com o ensino.

Quem segue a carreira como professora no Brasil é porque ama a profissão. Principalmente se pertence aos quadros das escolas públicas. Muitas vezes essas profissionais enfrentam salários baixos, quando não são atrasados. As condições das escolas em vários casos são precárias, além de enfrentarem alunos e alunas desmotivados.

Mas uma professora do Rio de Janeiro mostra que nada disso é problema para ela. Maria de Lourdes Portugal de Andrade, de 70 anos, dá aula há 50. Na mesma sala, localizada ao fim do corredor do 2º andar da escola municipal Paula Fonseca. E ela não abre mão de ensinar sempre nessa sala em especial. Mesmo com artrose nos joelhos, nem pensa em se aposentar.

A paixão pelo ensino

Mas o início profissional de Maria de Lourdes não foi tão bom. Seu primeiro dia de trabalho na escola, em fevereiro de 1968, foi terrível. Recém-formada, a professora enfrentou uma escola sem portão e cercada por um mato. Ela não queria voltar, mas foi convencida pelo pai. Maria acabou se apaixonando por seus alunos e nunca mais pensou em deixá-los.

Como todo professor recém-formado no Brasil, Maria esperava uma escola ideal que não existe. Ela chegou a exercer a profissão de nutricionista paralelamente à docência por 12 anos. Ao ter de optar, ficou com o ensino. A professora afirma que não se vê longe da sala de aula. Até mesmo os problemas em casa são esquecidos quando chega à escola.

Reconhecimento do trabalho

Em 2015 ela recebeu um grande reconhecimento público por seus anos de dedicação. Junto a trinta e cinco colegas com mais de vinte e cinco anos de profissão, recebeu o título de Professor Carioca 2015. Ela ainda recebeu uma viagem a Nova York como presente por ter ajudado sua escola. A instituição foi a segunda melhor do Ideb entre as unidades de risco.

Uma de suas alunas antigas, Flávia do Carmo, de 32 anos, conta que lamentou muito quando teve de deixar a escola na infância. Mas o futuro uniu as duas novamente. A filha de Flávia hoje é aluna de Maria de Lourdes, um encontro muito bonito de gerações.

Grande parte dos colegas de Maria nem era nascida quando ela se formou. A última professora que se aproximava de sua idade se aposentou em 2017, aos 75 anos, compulsoriamente. A diretora da escola diz que se depender dela, com Maria será a mesma coisa. Afinal, a professora é uma inspiração para todos os colegas.

Maria de Lourdes agora será homenageada por seus alunos. Ela representa um número grande de professoras e professores do Brasil. Pessoas que, apesar das condições difíceis de trabalho, segue acreditando que a educação é o melhor caminho para mudar o país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0
fazer um check up completo

Quando fazer um check up completo?

você é bom na cozinha

Teste – Você é um bom cozinheiro ou uma boa cozinheira?