em

Professora adotou aluno problemático e transformou sua vida

Por trás de um comportamento agressivo pode estar uma doce criança que apenas foi mal orientada.

É comum ver casos de alunos agressivos e desrespeitosos com os professores nas escolas públicas brasileiras. Quando estes casos são investigados, descobrem-se famílias problemáticas, que passam por situação de muita pobreza e dificuldades de relacionamento.

Mas não é só no Brasil que esse tipo de situação acontece. No ano de 2013, a professora Chelsea Haley começou a atuar em uma ONG que tinha por objetivo levar mais igualdade e qualidade na educação de escolas com baixa renda.

Dentro da ONG, Chelsea foi encaminhada para dar aulas na cidade de Baton Rouge, capital do estado norte-americano de Louisiana. Na escola onde começou a lecionar a professora conheceu o aluno Jerome Robinson, que por causa do seu comportamento explosivo, sempre foi um problema para todos os professores.

Não demorou para que Chelsea também fosse profundamente afetada pela agressividade verbal de Jerome, e chegou a pensar que estava na profissão errada.

Mas como seu objetivo principal era ajudar, ela estava determinada a saber mais sobre o que poderia estar impulsionando o comportamento do rapaz. A professora descobriu que ele e seu irmão caçula, Jace, passavam mais tempo com os avós, pois seus pais eram muito pobres e viviam dificuldades ainda mais críticas por causa da morte de parentes.

A empatia foi a chave para a transformação

A falta de atenção e as dificuldades vividas no dia a dia faziam com que Jerome, na época com 12 anos, tivesse sérios problemas de relacionamento com todos. Mas Chelsea podia ver esperança nos olhos do garoto, e por isso começou a encorajá-lo a se esforçar mais e a enaltecer suas qualidades.

Jerome passou a se comportar de forma diferente com ela e logo conseguiu melhorar seu comportamento também com os outros professores, que chegaram a ir na casa da professora agradecê-la por estar fazendo um excelente trabalho com aquela criança.

O laço entre Chelsea e Jerome ficou mais forte, com muito respeito e carinho, mas a professora terminaria seu trabalho na instituição em pouco tempo e teria que deixar de conviver com o garoto.

Neste período todos a incentivavam a ficar por perto para cuidar do garoto, e ela chegou a sonhar que o tinha adotado. A grande surpresa veio quando, em um dia de aula, Jerome interrompeu uma prova para perguntar à Chelsea se ele poderia morar com ela.

Foi o bastante para que a professora compreendesse que estava destinada a ser mãe do menino, mesmo no início da sua carreira e com apenas 24 anos de idade.

Uma nova família estava se formando

No dia seguinte ao pedido de Jerome, Chelsea se encontrou com ele, seu irmão e a mãe deles, que pediu à professora que levasse os dois juntos para viverem com ela no estado da Georgia, para onde pretendia se mudar.

Foi assim que Chelsea recebeu a guarda dos meninos e hoje eles vivem juntos e muito felizes na cidade de Marietta. A nova mãe de Jerome e Jace está a cada dia mais orgulhosa dos garotos, que são muito carinhosos com ela.

Jerome transformou completamente seu comportamento e hoje é um dos melhores alunos da turma, enquanto o pequeno Jace a admira e não cansa de demonstrar seu amor.

Esse é um bom exemplo de que não nascemos destinados ao fracasso, mas sim, ao amor e à felicidade. Tudo depende do apoio e do afeto que recebemos das pessoas à nossa volta.

DICA PARA LIDAR COM O COMPORTAMENTO DAS CRIANÇAS

Mesmo famílias que não vivem em situação de dificuldade financeira podem ter problemas para lidar com o comportamento dos filhos.

Para isso, existem atitudes e palavras certas capazes de fazer a criança se sentir valorizada e amada. Veja esta dica de como encorajar uma criança a dar o seu melhor nas atividades diárias:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

Comentários

comentários

Estudo aponta nutriente que pode ajudar tratamento do câncer de mama
Receita de refrigerante natural e saudável