em

Yara: a gatinha que enxerga com o coração

Mesmo com uma pequenina deficiência, ela não deixou de ganhar uma família.

Publicidade

Encontrada em uma caixa cheia de enfeites de Natal quando era um bebezinho, a pequena Yara foi levada para uma clínica veterinária e lá foi percebido que ela tinha apenas um olho. O outro formava uma “piscadinha” permanente.

Yara ficou na clínica por cerca de duas semanas, recebendo os cuidados necessários para garantir que cresceria com saúde. É claro que todos no local se apaixonaram por ela, pois sempre foi muito carinhosa.

Ainda enquanto esteve na clínica, a pequena Yara ganhou um bichinho de pelúcia que passou a ser seu grande companheiro nas boas horas de sono.

Yara precisava de um lar

Publicidade

Mas chegou o momento em que essa gatinha precisava de um verdadeiro lar. Foi quando Kayleen, uma das funcionárias da clínica, disse que a levaria para casa se seu irmão Matty concordasse.

Quando os dois se viram, foi amor à primeira vista. É claro que o bichinho de pelúcia teria que ser adotado também, mas logo o lugar favorito de Yara se tornou o capuz do casaco de Matty, onde era colocada para irem passear.

Agora, com uma família muito feliz, a pequena Yara de um olho só tem o privilégio de enxergar muito mais com o seu coração, que recebe e oferece muito amor todos os dias.

Publicidade

10 pessoas que estavam decididas a não ter um gato em casa

Corrida faz o cérebro desenvolver novos neurônios, diz estudo