em

Veja se seu fígado está trabalhando direito

Veja quais são os sintomas do fígado lento e o que você pode fazer para cuidar bem deste importante órgão

O fígado é um órgão de extrema importância para a digestão, filtragem do sangue e limpeza do nosso corpo.

Se ele trabalhar mais lentamente, a eliminação de toxinas diminui, e elas terminam por ficar armazenadas nas células de gordura do tecido adiposo. Se você esta tentando perder peso, este acúmulo de toxinas prejudica todo o seu trabalho.

Para saber se seu fígado está lento, preste atenção nestes possíveis sintomas:

  • Fadiga crônica;
  • Negatividade emocional;
  • Sensação de esgotamento;
  • Dores de cabeça ou atrás dos olhos;
  • Dores crônicas nas juntas;
  • Dores musculares crônicas;
  • Suor em excesso;
  • Dificuldade em digerir gorduras;
  • Alergias;
  • Problemas de pele ou excesso de acne;
  • Inchaço do abdômen;
  • Dor de barriga;
  • Diarréia;
  • Desequilíbrio hormonal;
  • Ansiedade;
  • Depressão;
  • Sensibilidade a produtos químicos;
  • Mau hálito crônico;
  • Ganho de peso sem motivo;

Tratamento

Sempre consulte seu médico, para verificar se há alguma doença associada a estes sintomas.

Se seu fígado está saudável, mas trabalhando lentamente, uma alimentação balanceada e natural é o primeiro passo para ajudá-lo.

Não é preciso dietas rigorosas, apenas alguns ajustes.

Veja o que pode fazer:

  • Beba muita água;
  • Coma gorduras saudáveis: Abacate, manteiga orgânica etc.;
  • Coma mais de 35 g de fibras por dia;
  • Consuma no máximo 25 g de frutose por dia;
  • Consuma mais verduras;
  • Consuma aminoácidos de origem animal e vegetal;
  • Coma mais enxofre: brócolis, ovos etc.;
  • Dieta balanceada;
  • Evite alimentos transgênicos (OGM);
  • Evite óleos inflamatórios;
  • Evite açúcar refinado;
  • Não beba álcool.

3 grandes alimentos para o fígado

1. Alcachofra:

Aumenta a produção de bile. Ajuda a proteger o fígado.

2. Cúrcuma:

Ajuda a recuperar as células danificadas. Auxilia na eliminação de toxinas.

3. Cardo de leite:

É antioxidante e anti-inflamatório. Protege o fígado contra viroses e danos provocados pelo álcool e drogas.

As dicas deste artigo não substituem a consulta ao médico. Lembre-se que cada organismo é único e pode reagir de forma diferente ao mencionado. E para obter os resultados mencionados também é preciso aliar a uma vida e alimentação saudável e equilibrada.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

Dores no corpo: saiba o que se esconde por trás de cada caso

Aprenda a identificar a depressão