Como evitar as crises de enxaqueca
Crédito: Freepik
em

Como evitar as crises de enxaqueca – saiba como as dores começam

Descobrir quais são os seus gatilhos é importante para saber evitá-los

Publicidade

A enxaqueca é o tipo de dor que chega a ser incapacitante. Simplesmente, torna-se impossível fazer as atividades normais quando parece que o cérebro vai explodir e a duração de uma crise chega a três dias. Mas, apesar de tão incômoda, a enxaqueca é bastante comum, afetando mais de 40 milhões de brasileiros entre 25 e 50 anos. Veja de que formas é possível prevenir as crises ou torná-las menos intensas.

Como acontece a enxaqueca?

Muitas pessoas herdam a enxaqueca dos pais, e mesmo nesse casos, ainda não se sabe o que, exatamente, faz com que essas crises de dor aconteçam. No entanto, já se conhece o mecanismo.

Publicidade

Conforme explica o Dr. Denis Bichuetti, neurologista do Hcor, “a enxaqueca é o resultado de um desequilíbrio químico no cérebro que afeta neurotransmissores, a integridade de biomoléculas cerebrais e o fluxo hormonal neurológico”.

Para entender como é possível evitar alguns gatilhos, é preciso entender o processo de formação da dor, como continua esclarecendo o médico:

Publicidade

“as crises de enxaqueca começam quando células nervosas em estado de muita excitação reagem a algum gatilho, geralmente externo, que varia de pessoa para pessoa, entre aspectos que vão de alimentação a hábitos comuns no dia a dia. Quando algum gatilho ativa a enxaqueca, impulsos são enviados aos vasos sanguíneos cerebrais que sofrem um processo contínuo de constrição e dilatação. Neste momento, diferentes substâncias inflamatórias, como serotonina e as prostaglandinas, são liberadas no sistema neurológico, o que provoca a sensação de dor”.

Como evitar os gatilhos da enxaqueca?

Agora, com base em como ocorre o processo de uma crise enxaqueca, é possível adaptar a rotina e o estilo de vida para prevenir que uma crise comece ou, pelo menos, que fique tão intensa e prolongada. Veja o que deve fazer:

  • Manter boas noites de sono, praticando a higiene do sono para dormir melhor;
  • Evitar situações que lhe provoquem altos níveis de estresse;
  • Evitar cheiros fortes de produtos químicos e cosméticos, se notar que esse é um dos seus gatilhos;
  • Evitar consumir bebidas alcoólicas, embutidos, queijos amarelos, café, chocolate e enlatados por causa dos conservantes;
  • Evitar ficar muitas horas sem comer;
  • Evitar a luz intensa quando já estiver em uma crise, pois o excesso de luminosidade pode fazer a crise piorar.

Consulte um neurologista

Apesar de haver formas de evitar gatilhos e reduzir a intensidade de uma crise de enxaqueca, pode não funcionar com todo mundo. É importante consultar um neurologista para fazer exames e descobrir qual tipo de medicamento realmente funciona no seu caso. Em algumas pessoas, os remédios simples para dor de cabeça não resolvem, e elas acabam tomando-os em maior quantidade, o que pode resultar em problemas no sistema digestivo.

Publicidade
o que pode ser Dor na bexiga

Dor na bexiga: o que pode ser?

Razões que fazem um homem não querer sexo

5 Razões que fazem um homem não querer sexo