Enxaguantes bucais podem diminuir a concentração do coronavírus na boca
Crédito: Freepik
em

Enxaguantes bucais podem diminuir a concentração do coronavírus na boca

Estudo mostra que alguns produtos podem ajudar no combate à doença

Um estudo recente, realizado pela universidade alemã Ruhr-Bochum, mostrou que alguns tipos de enxaguantes bucais podem ser eficazes no combate da covid. Entenda como eles funcionam e quais são os tipos indicados.

O estudo

Os pesquisadores alemães mostraram que determinados tipos de enxaguantes conseguiram inativar o vírus, reduzindo consideravelmente sua quantidade. Para chegarem a esse resultado, eles misturaram o vírus com o produto por 30 segundos (tempo indicado para uso normal). Em seguida, aplicaram o conteúdo em uma célula teste, para ver se reagiria.

Durante a aplicação prática do estudo, em todas as células, a quantidade de contaminação foi zero. Exatamente: o produto inativou o vírus em quase 100% e as células cobaias ficaram completamente livres da doença. Assim, ficou provado que o uso de enxaguantes reduz o risco de transmissão e contaminação por coronavírus.

Quais tipos funcionam

Os enxaguantes bucais que agem como auxiliares no combate ao coronavírus foram os que continham as seguintes substâncias: etanol, clorexidina, cloreto de cetilpiridínio, peróxido de hidrogênio e iodopovidona. As marcas (disponíveis na Alemanha) testadas foram Cavex Oral Pre Rinse, Chlorhexamed, Dequonal, Dynexidine 0.2%, Iso-Betadine 0%, Octenident, ProntOral e Listerine Cool Mint – sendo essa última disponível também no Brasil.

Como isso acontece

Da mesma forma que o sabonete ou álcool, o enxaguante bucal destrói a membrana externa do vírus, deixando seu material genético exposto. Dessa forma, ele não consegue sintetizar e se torna inativo. Consequentemente, não infecta o hospedeiro, reduzindo assim a propagação da doença. Em suma, de acordo com os pesquisadores, “o SARS-CoV-2 pode ser eficientemente inativado por bochechos orais disponíveis comercialmente em curtos tempos de exposição de 30 segundos“.

médica mordida por jararaca

Médica mordida por jararaca mostra fotos feitas minutos antes do ataque

Mitos da limpeza

6 Mitos da limpeza que podem atrapalhar no resultado final