em

AmeiAmei HahahaHahaha FofoFofo EstranhoEstranho TristeTriste

12 dicas para evitar carrapatos

Saiba como se proteger e proteger seus animais de estimação deste parasita, que pode provocar inúmeras doenças

Os insetos surgiram no planeta antes do Homem. Logo, temos que conviver com eles e aprender a eliminar ou manter à distância aqueles que nos fazem mal.

Dois parasitas muito complicados de combater são as pulgas e os carrapatos. Eles podem se hospedar em nossos animais de estimação ou em nós mesmos, após um simples passeio pela rua.

No caso dos carrapatos, existem várias espécies e algumas são transmissoras de doenças muito graves.

Em geral eles procuram os lugares mais quentes do nosso corpo, e retirá-los não é tão simples, pois eles penetram, e agarram na pele, para poder sugar o nosso sangue.

Sintomas

Só notamos a presença de carrapatos em nosso corpo após sua picada. A primeira sensação é de coceira no local onde ele se alojou. Se ele for retirado com cuidado não tem problema, mas se suas garras ficarem na pele, o incômodo e uma leve inflamação podem durar alguns dias.

O maior problema é se o animal estiver infectado com alguma doença, como a febre maculosa ou a doença de Lyme. Neste caso, tenha atenção aos sintomas: dor na zona picada, manchas na mesma área, ardência, náusea, dor de cabeça, febre, dor nas articulações, vômitos.

O ideal é prevenir a presença de carrapatos em nossa casa. Existem muitos truques. Veja os principais:

Alho:

Acrescente uma pitada de alho em pó na comida de seu cão.

Alecrim e canela:

Misture em um frasco 10 gotas de óleo essencial de alecrim, 10 gotas de óleo essencial de canela, 3 gotas de óleo essencial de cedro, 2 colheres de sopa de óleo de amêndoa. Esfregue no pelo de seu cão.

Bicarbonato de sódio:

Em 100 ml de vinagre, misture uma colher de chá de bicarbonato com uma colher de chá de sal. Limpe o pelo do cachorro com esta solução, evitando o contato com os olhos.

Caso o cão já tenha sido picado, faça uma pasta de bicarbonato e água e aplique sobre o local.

Cítricos:

Ferva por 10 minutos a casca de frutas cítricas (limão, laranja, mexirica etc.). Quando a água esfriar passe em seu cão.

Mistura de limão, canela, cedro, lavanda, manjericão e poejo:

Serve tanto para os animais quanto para as pessoas. Misture em partes iguais o óleo essencial de três produtos desta lista, com uma parte de óleo de amêndoa. Molhe em algodão e cubra a região que foi picada pelo carrapato.

Óleo essencial de gerânio rosa:

É um excelente repelente. Coloque algumas gotas nas costas e na base da cauda. Serve para cães e gatos.

Óleo de nim (amargosa) orgânico:

Em dois copos de água, adicione 30 ml de óleo de nim e 30 ml de sabonete líquido, misture tudo. Coloque em uma garrafa com pulverizador. Serve como repelente e pode ser usado nas pessoas e nos animais de estimação.

Óleo da árvore de chá:

Serve para eliminar carrapatos. Pode misturar com o xampú que usa para dar banho no cachorro. O ideal é misturar três partes de água para uma parte de óleo, e aplicar diretamente no pelo do animal.

Caso seu cão tenha uma infestação de carrapatos, borrife apenas o óleo diretamente sobre as partes afetadas. Pode provocar alguma irritação, mas é um método efetivo.

Óleo de canela:

Aplique um pouco sobre a pele do cão. Serve como repelente para carrapatos e pulgas. Você também pode usar, mas dilua em um pouco de água.

Pente:

Passe um pente fino sobre o pelo do seu animal sempre que o levar para passear. Qualquer parasita que estiver no pelo dele será retirado.

Suco de limão:

Quando seu cachorro estiver com carrapatos, esprema o suco de um limão sobre a área atingida. Pode associar o suco com óleos essenciais cítricos, diluídos em um pouco de água.

Ao dar banho no cachorro, pode enxaguá-lo, por último, com uma infusão de água, suco de limão e cascas de limão fervidas. Outra opção é cortar limões em pedaços e deixar na água de um dia para o outro, usando esta água para finalizar o banho do cachorro.

Vaselina:

Aplique vaselina na área onde estão os carrapatos. Depois passe um pente para retirar os insetos mortos.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0
Comentários
Descubra se você tem TOC
7 receitas de beleza com bicarbonato de sódio