em

5 dicas para aumentar a autoestima e ser mais feliz

Estar de bem consigo mesmo é o primeiro passo para equilibrar suas energias com o universo e atrair a felicidade plena.

Como você considera que está a sua autoestima hoje? E como estava nos dias que passaram? A autoestima é o seu amor próprio, a estima que tem por si mesmo. Não adianta tentar esconder se a sua autoestima estiver baixa, pois seu corpo irá denunciar seu verdadeiro sentimento.

Quando está com a autoestima baixa o olhar fica entristecido ou distante, a postura entorta, a vontade de cuidar do corpo não aparece todas as manhãs… E quando falamos em cuidar do corpo não quer dizer que precise a todo custo buscar o padrão que considera o ideal para ser bonito. Cuidar é se aceitar, com suas qualidades e defeitos, que aliás, não são defeitos, são o que fazem você ser único. Esta é a real beleza de ser.

Toda essa teoria é muito bonita enquanto não é preciso enfrentar uma sociedade que não cansa de lançar julgamentos sobre o estado físico e mental dos outros. Mas o que você precisa ter em mente é que todos estão trilhando um caminho que ora é difícil, ora é tranquilo. Mas alguns necessitam apontar a fraqueza alheia para disfarçar a própria dor.

Como aumentar a autoestima

Se você se sente triste, diminuindo suas forças e enaltecendo suas fraquezas, saiba que só depende de você mudar essa visão distorcida e decidir ser feliz, simplesmente porque essa é a sua vida e você merece. Veja estas 5 dicas para aumentar sua autoestima:

1. Converse consigo mesmo

Certamente você gosta de conversas francas e de ouvir a verdade, não é mesmo? Ninguém gosta de ser enganado. Então, para não se sentir assim diante das pessoas, comece tendo uma conversa franca com você mesmo.

Esse exercício pode ser mais eficaz se você fizer em frente ao espelho, olhando nos seus próprios olhos e observando sua imagem. Ou também se você anotar o que tiver para dizer para ler sempre que precisar lembrar.

Fale, em voz alta ou em pensamento, sobre como você se vê, suas qualidades e defeitos. Não dê mais força para um ou para outro: você tem tantas qualidades quanto defeitos. Fale do que gosta e do que não gosta, de como se sente nas diversas situações da vida. Ninguém vai te julgar, seja sincero.

Não tenha receio de falar sobre seus desejos, mesmo que agora realizá-los pareça distante. Fale consigo mesmo com amor, carinho e compreensão. Aceite a sua verdade, pois esta pessoa é tudo o que você tem.

2. Encare o ego

Muitas vezes você perde grandes oportunidades e experiências de vida porque deixa seu ego falar mais alto. Permite que ele lhe diga o que não pode fazer, o que não pode desejar, o que não pode realizar. Mas você pode fazer o que quiser.

Outras vezes você deixa que o ego dos outros te diga estas mesmas coisas, mas precisa lembrar que quando estiver diante de um ego inflado, ele está ferido, e só vai te ferir também se você permitir. Tenha compaixão e perdoe qualquer palavra ofensiva que te disserem, pois você se conhece e sabe quem realmente é. Isso é o mais importante.

3. Seja grato

Agradeça por ter a sua vida, independentemente da situação que estiver vivendo, pois s gratidão é o seu ingresso para novas conquistas. Quanto mais você for grato pelo que tem, mais será forte para subir novos degraus.

Agradeça também pelas pessoas boas e pelas ruins que passam pela sua vida. Cada uma delas te ajuda a evoluir de uma forma diferente. Cada instante vivido tem uma lição para ensinar. Cabe a você perceber, interpretar e usar tudo a seu favor.

Lembre-se que quando alguém lhe diz algo difícil de ouvir, na verdade, a pessoa está falando para si mesma. Só irá te ferir se você não tiver resolvido as questões que te incomodam. Por isso, a conversa franca consigo mesmo sugerida lá na primeira dica é tão importante.

4. Deixe seu corpo ser reflexo da sua mente

Assim como sua baixa autoestima reflete na sua aparência, sua autoestima elevada faz o mesmo. Quando você compreende seus sentimentos, aceita suas dores e o que te deixa feliz, se sente mais aliviado. Seu corpo volta a ter postura, seus olhos miram para frente, seu sorriso se abre e você emana luz.

Quando você se perdoa pelo que acredita que precisa se perdoar e decide olhar com amor e carinho para o seu interior, seus olhos começam a te enxergar mais bonito por fora também, é como mágica.

5. Comece a tomar atitudes

Mesmo que você se aceite, se perdoe e se ame, pode sim querer melhorar sua saúde, mudar seu corpo físico, mudar de hábitos para se sentir ainda melhor. Então, comece buscando a sua motivação para dar o seu melhor todos os dias e ir dormir com a sensação de dever cumprido.

Comece a fazer uma atividade que lhe dê prazer, não importa qual seja. Comece a planejar novos desejos para realizar e trace um plano, com ações e prazos para cumprir até que o desejo se realize.

Não coloque nos outros a responsabilidade de te fazer feliz. A companhia das pessoas é apenas um complemento gostoso quando você é capaz de ser feliz sozinho. Quando fizer mais por você, irá atrair pessoas com quem vai querer dividir suas conquistas e perceberá que a felicidade está nos pequenos bons momentos da vida, sem precisar comprar ou forçar nada.

Mude os hábitos que estimulam a baixa estima

Além de conversar consigo mesmo, encarar o ego, ser grato e se perdoar, um fator que faz parte da dica “tomar atitudes” é a mudança de hábitos que te enfraquecem e dificultam o desenvolvimento da sua autoestima. Clique aqui e veja quais são estes hábitos para saber no que pode mudar.

Redigido por Priscilla Riscarolli

Graduada em Comunicação Social, decidiu trocar as campanhas publicitárias pela produção de conteúdo para inspirar as pessoas a enriquecerem suas vidas com mais informação, bem-estar e criatividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0
Comentários
Depois de anos em tratamento para acne ela descobriu a verdadeira doença
5 dicas para colocar ânimo e motivação nas atividades diárias