em

Como descongelar kefir de água e de leite

Veja quais materiais são necessários para descongelar e ativar o kefir e confira o passo a passo.
descongelar kefir
Crédito: Wikimedia

O kefir é um alimento probiótico muito poderoso para a saúde intestinal. Cada vez mais popular no Brasil, as pessoas mantêm seus cultivos em casa depois de receberem uma muda inicial que muitas vezes vem congelada para não se contaminar. Mas existe um procedimento que precisa seguir para descongelar kefir do jeito certo e começar o cultivo. Veja como fazer.

Como descongelar kefir: passo a passo

Em primeiro lugar, a recomendação mais importante para descongelar kefir é com a higiene. Pelo fato de o kefir ser constituído exclusivamente de micro-organismos vivos, qualquer contato com um material não esterilizado por gerar contaminação.

Então, para descongelar kefir e fazer todo o processo, esteja em uma cozinha bem limpa, use vidros esterilizados, uma colher e uma peneira de plástico que sejam destinadas para uso exclusivo do kefir.

A partir do momento em que você pega a sua mudinha de kefir congelada, deve seguir esses 3 passo simples:

1. Retire a muda do congelador.

2. Se o clima estiver frio, pode descongelar kefir em temperatura ambiente. Se estiver muito quente, deixe descongelar na parte de baixo da geladeira. Lembre-se de deixar a muda longe de fogão, micro-ondas ou qualquer aparelho que aqueça.

3. Depois que a muda descongelar, inicie o processo de ativação explicado no próximo tópico.

Como ativar o kefir?

Depois de descongelar kefir, é hora de iniciar a ativação das bactérias. Esse processo é um pouco demorado, porém necessário. Você pode seguir os mesmos passos para ativar um kefir desidratado. Veja como fazer.

Materiais

  • Pote de vidro esterilizado: 1 unidade;
  • Colher de plástico, inox ou madeira, bem limpa: 1 unidade;
  • Pano poroso limpo ou papel toalha: 1 unidade;
  • Elástico para segurar o pano na boca do pote: 1 unidade;
  • Leite integral ou água filtrada: suficiente para cobrir a muda de kefir;
  • Peneira de plástico lavada em água fervente: 1 unidade.

Passo a passo

1. Coloque a muda descongelada ou desidratada dentro do pote.

2. Cubra-a com o leite ou com água pura, sem açúcar. Para ter uma ideia, a média é de 500 mililitros de leite ou água para cada colher de sopa de kefir.

3. Em seguida, cubra a boca do pote com o pano ou papel toalha e prenda com o elástico.

4. Coloque o pote em um local seco, limpo e escuro e deixe fermentando durante 24 horas. Se a muda desidratada estiver muito alaranjada, vai precisar de mais tempo para que fique na sua coloração normal, que é bem branquinha no caso do kefir de leite e transparente no caso do kefir de água.

5. Passadas as 24 horas, coe a muda na peneira e jogue o líquido fora.

6. Coloque a muda escorrida novamente no pote, também escorrido. Adicione mais uma quantidade de leite. Se for fazer kefir de água, coloque água com açúcar na medida de 1 colher de sopa de açúcar para cada 300 mililitros de água, em média. Se quiser colocar mais, não tem problema.

7. Cubra novamente o pote e coloque para fermentar no mesmo local por mais 24 horas.

8. Repita o processo, coando e descartando o líquido. Observe que a muda deverá estar mais cheia e espessa, pois agora está hidratada. O kefir de leite vai estar com aspecto cremoso. O cheiro deverá ser levemente ácido, mas não azedo. Se estiver ruim ou com partes escurecidas acinzentadas, é provável que esteja contaminado e nesse caso é mais seguro descartar e usar uma nova muda.

9. Se ver que ainda há grãos amarelados, mas que não sejam estragados, repita mais um processo de 24 horas e descarte o líquido. Se a cor já estiver bonita e saudável, coloque um novo líquido no pote sobre a muda e deixe por mais 24 horas ou até mais. Dessa vez, após o tempo de fermentação desejado, você poderá coar e usar o líquido para consumo, guardando-o na geladeira em um pote de vidro esterilizado por até 3 dias.

Como congelar kefir?

Quando o seu kefir está se desenvolvendo muito bem, em uma semana a colônia de bactérias já estará muito proliferada. Então, se você não tiver para quem doar, a melhor maneira de preservar é congelar kefir. A forma de fazer isso é bem simples.

Depois que você coou mais um líquido para consumo, uma parte da muda você devolve para o frasco onde vai iniciar um novo processo de fermentação. Outra parte você transfere para um saquinho plástico limpo, fecha bem, de preferência com zíper do saquinho hermético, e coloca no congelador. Ao congelar kefir, saiba que ele não pode entrar em contato com outros alimentos.

A muda só deverá sair de lá para ser reativada e recomeçar o cultivo. O ideal é que fique congelada por no máximo 3 meses. Se possível, menos. Há pessoas que deixam por mais tempo, então é uma questão de fazer o teste. Lembre-se de manter a muda no fundo no congelador, onde não irá sofrer com a temperatura sempre que o congelador for aberto.

Redigido por Priscilla Riscarolli

Graduada em Comunicação Social, decidiu trocar as campanhas publicitárias pela produção de conteúdo para inspirar as pessoas a enriquecerem suas vidas com mais informação, bem-estar e criatividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0
Comentários

comentários

aquecedor solar
Como fazer um aquecedor solar e economizar na conta de energia
calmantes naturais
8 Calmantes naturais para te ajudar com o nervosismo