Corpos estranhos no ouvido
Crédito: Freepik
em

Corpos estranhos no ouvido: O que fazer quando isso acontecer?

Muito cuidado para não piorar a situação, pois o ouvido é sensível

Publicidade

Nos adultos, os corpos estranhos no ouvido costumam ser insetos que entram de forma inesperada, às vezes durante o sono. Já nas crianças é comum que elas mesmas coloquem algum objeto no ouvido por curiosidade, sem ter ideia do perigo ou das consequências. Podem ser pequenas partes de brinquedos, alimentos, pedrinhas ou objetos pontiagudos mais perigosos.

Sintomas de corpos estranhos no ouvido

Dependendo do tamanho do corpo estranho, e se ele é vivo ou inanimado, pode causar diferentes sintomas.

De modo geral, o organismo vai dar início a um processo de expulsão que pode gerar inflamação, infecção, secreção, dor ou coceira.

Se for um inseto, pode causar zumbido e a sensação de que há algo está se mexendo dentro do ouvido, pois realmente está.

Publicidade

Por estar bloqueando a função do ouvido, o objeto também pode reduzir a capacidade de audição, mas geralmente as crianças não sabem explicar essa sensação.

O que elas tendem a fazer é ficar mexendo na orelha, e os pais devem prestar atenção a esse sinal, pois há risco de empurrar o objeto mais para o fundo.

O que fazer quando entrar um corpo estranho no ouvido?

É preciso ter muito cuidado, pois dependendo do objeto que está no ouvido, pode causar uma perfuração no tímpano ou outra lesão se tentar remover sem ter conhecimento adequado para isso.

Publicidade

Para tentar remover o corpo estranho em casa mesmo, precisa estar diante das seguintes condições:

  • O corpo estranho deve estar alojado no canal auditivo externo (antes do tímpano);
  • Não haver lesões visíveis nas estruturas do ouvido;
  • Não haver corrimento amarelado ou avermelhado pelo ouvido, dor persistente ou perda auditiva;
  • O corpo estranho deve estar facilmente visível e acessível.

Dentro dessas condições, pode tentar realizar o seguinte procedimento:

  1. Lave muito bem as mãos com água e sabonete para desinfetá-las;
  2. Incline a cabeça da pessoa para o lado com o ouvido afetado para baixo, para ver se o objeto sai com a força da gravidade;
  3. Se não der, puxe a orelha para fora, com cuidado, para tentar deslocar o corpo estranho e fazê-lo sair sozinho;
  4. Se mesmo assim o corpo estranho não sair, e se estiver bem visível e acessível, puxe-o cuidadosamente para o exterior com a ajuda de uma pinça esterilizada.

O que não fazer?

  • Nunca use cotonete ou outro objeto que não sirva para tentar tirar o corpo estranho. Mesmo os dedos, se forem grandes, podem empurrar o objeto e piorar a situação;
  • Nunca tente remover um corpo estranho do ouvido de uma pessoa que tenha tubo de timpanostomia;
  • Nunca aplique azeite ou qualquer outro óleo para tentar matar um inseto dentro do ouvido.

Em resumo, se não tiver as condições recomendadas para fazer o procedimento de remoção do objeto por conta própria, é necessário levar a pessoa ao hospital ou ao centro de saúde para que um enfermeiro ou médico faça a remoção com segurança.

Publicidade
Hábitos de limpeza dona de casa BR x PT

8 Hábitos de limpeza da dona de casa do Brasil e de Portugal

Crianças índigo, cristal e arco-íris

Crianças índigo, cristal e arco-íris: conheça as principais diferenças