em

Comer algo depois que caiu no chão faz mal: sim ou não?

Muitos dizem que não tem problema em comer algo que ficou no chão por menos de cinco segundos, mas será que isso é verdade?
comer algo depois que caiu no chao
Créditos: Pixabay

Se você já deixou algo cair no chão, então provavelmente já pensou na quantidade de bactérias e micro-organismos que foram adicionados ao seu alimento. Mas será que comer algo depois que caiu no chão faz mal? Muitos afirmam que se pode comer desde que não exceda o tempo de 5 segundos em contato com o chão, mas essa afirmação não é verdadeira.

Podemos comer algo depois que caiu no chão?

comer algo depois que caiu no chao pipoca
Créditos: Medical Daily

A primeira coisa que se deve saber é que o ambiente está sempre cheio de bactérias e vive-se com elas diariamente. Nos humanos, elas estão presentes na pele, por exemplo, e é estimado que cada pessoa libera uma quantidade de 38 milhões de células bacterianas por hora do corpo humano.

Além disso, é calculado que a quantidade de bactérias diferentes presentes em um ambiente higienizado chega a ser de 8 mil diferentes micro-organismos, sendo que 7 mil deles são inofensivos.

As bactérias, que na sua maioria são inofensivas, têm um papel muito importante para estimular o sistema imunológico do ser humano desde criança, mas infelizmente, muitas pessoas pensam que elas lhes farão algum mal e que devem se proteger delas.

A verdade é que existem, sim, bactérias nocivas para a saúde, mas se você estiver presente em um ambiente minimamente seguro e limpo esse número de bactérias prejudiciais à saúde é menor ou nulo.

Um exemplo de duas situações diferentes, seria dizer que se você derruba algum alimento na mesa de um restaurante ou no chão da própria casa, você provavelmente não teria problema em recuperar e comer esse alimento. No entanto, se esse fato acontece no chão de um hospital é completamente diferente, pois esse ambiente está exposto a muitas bactérias nocivas.

Se o alimento fosse recuperado em ambas as situações, a pessoa passaria a ingerir bactérias, porém elas estão por todo lado e vai do senso comum de cada um para avaliar quais são os ambientes ameaçadores e quais são os inofensivos.

Vale mencionar também que as doenças transmitidas pelas bactérias nocivas podem ser contraídas de inúmeras formas diferentes além de comer algo depois que caiu no chão. Você pode tocar em algum objeto que já tenha sido tocado por uma pessoa doente, e depois passar a mão no nariz ou nos olhos, por exemplo. Isso já é suficiente para contrair alguma doença.

Regra dos 5 segundos para comida que caiu no chão

comer algo depois que caiu no chao caido
Crédito: Pexels

A regra é falsa. Se uma pessoa comer algo depois que caiu no chão em menos de 5 segundos, a comida também já pode conter bactérias por aderência. O perigo de ingerir esse alimento ou não vai depender do ambiente no qual se está presente e de quem passou por ali.

No entanto, pode-se afirmar que as comidas cremosas geralmente sujam-se mais quando entram em contato com uma superfície suja. Isso se dá devido ao fato de essa comida estar mais próxima do estado líquido, desfazer-se e assim ter mais áreas de contato com a superfície.

Basta fazer um experimento simples com um alimento seco e outro cremoso para constatar essa informação, mas apesar disso ambos os alimentos estão cheios de micro-organismos, sendo que um tem somente mais aderência que outro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0
Comentários

comentários

aditivos alimentares para criancas
Aditivos alimentares para crianças são perigosos?
leite de amêndoas
Como fazer e benefícios do leite de amêndoas