cinta modeladora dúvidas
Crédito: Freepik
em

Cinta modeladora: veja quando usar sem prejudicar a saúde

Antes de comprar, veja quais são os modelos, o tamanho adequado e as contraindicações

Muitas mulheres escolhem usar uma cinta modeladora para comprimir toda a região abdominal em volta da cintura e, assim, modelar essa parte do corpo e até reduzir o seu tamanho. Mas, para que isso funcione, é preciso usar a cinta do jeito certo.

Cinta modeladora ajuda a emagrecer?

As cintas modeladoras realmente funcionam, quando usadas do jeito certo e nas condições adequadas. Elas ajudam no processo de modelar a região da cintura e reduzir as medidas, mas para isso você precisa ter atenção em outros cuidados.

Não basta usar a cinta e continuar levando um estilo de vida que não favorece ao emagrecimento, por exemplo.

A cinta não é responsável pela perda de peso, mas sim, por modelar a região da cintura junto com um processo de emagrecimento por meio de uma dieta equilibrada e da prática de atividades físicas.

Benefícios e indicações da cinta modeladora

Para ajudar a reduzir as medidas da cintura, a cinta modeladora deve ser usada de modo que não faça compressão nos órgãos internos. Se fizer o uso correto todos os dias, ela também vai contribuir para uma melhor postura.

Além disso, as cintas modeladoras são necessárias após cirurgias de lipoaspiração e abdominoplastia, facilitando a recuperação e protegendo a região operada. O uso correto da cinta pós-cirúrgica ajuda a deixar a pele mais firme, a manter uma boa postura e a enrijecer a região modelada para que fique no formato desejado.

Quanto às gestantes, existem cintas específicas, tanto para a gestação quanto para o pós-parto, que ajudam a segurar a barriga até que ela volte ao normal. Elas são diferentes das cintas para não gestantes.

Quanto menor a cinta, melhor o resultado?

Nada disso! Pode até parecer que faz sentido, mas você nunca deve comprar uma cinta de um tamanho menor, pensando que assim a sua cintura vai ficar mais fina. A cinta deve ficar confortável para que você consiga fazer todas as suas atividades sem sentir dor.

Se estiver muito apertada, além de atrapalhar sua rotina, a cinta vai dificultar a circulação do sangue, aumentar a pressão arterial, dificultar a respiração, causar refluxo e prejudicar seu órgãos internos.

Pode usar para dormir e fazer exercícios?

Somente quando a cinta está sendo usada em um pós-operatório ela deve ser usada até mesmo para dormir, tirando apenas para tomar banho. Esse uso geralmente se estende de 45 a 60 dias. Claro, vai depender da recomendação do médico. Mas, exceto nessa situação, a cinta deve ser usada no máximo 8 horas ao dia, e durante o dia, nunca para dormir. Pode usar para fazer exercícios físicos, desde que ela esteja confortável. Se começar a incomodar, melhor tirar.

Tamanhos de cinta modeladora

Mas então, como saber qual é o tamanho de cinta adequado para o seu corpo? Tire a medida da sua cintura usando uma fita médica e veja a seguir:

  • Tamanho P: serve para cinturas de 60 a 68 cm;
  • Tamanho M: serve para cinturas entre 69 e 73 cm;
  • Tamanho G: serve para cinturas de 73 a 82 cm;
  • Tamanho XG: serve para cinturas de 83 a 85 cm;
  • Tamanho XXG: serve para cinturas de 86 a 90 cm.

Modelos e materiais de cintas modeladoras

cinta modeladora tipos
Crédito: Minha Vida

Além de provar a cinta antes de comprar para saber se está escolhendo o tamanho certo e confortável, tem que também considerar o melhor modelo e material do qual a cinta é feita.

Se quiser uma cinta feita de um material mais resistente e que ajude a transpirar, o ideal são as feitas com cetinete ou nylon. Mas, também existem cintas de acetato, acrílico e poliéster.

Quanto aos modelos, você pode escolher entre os tipos:

  • Body: estrutura tipo de maiô, de um tecido mais grosso, com bojo para modelar os seios e costas em formato nadador para não aparecer com blusas e vestidos mais abertos nas costas.
  • Abdominal: ocupa apenas o espaço da região abdominal, sem as partes dos seios ou das pernas. É ideal para disfarçar as gordurinhas ao usar um vestido ou uma calça jeans.
  • Bermuda: muito usada por quem deseja esconder as celulites das pernas ou evitar o atrito entre as coxas usando vestido, e ao mesmo tempo modelar a região da cintura, pois ela vai até abaixo dos seios.
  • Camisete: comprime a região abdominal e tem bojo para os seios, mas vai até o quadril, como uma camisete mesmo. Nem sempre é confortável ao sentar, pois pode enrolar na região do quadril.

Contraindicações

Mesmo se a cinta for para uso estético, sem que seja um pós-operatório, é recomendado que ela seja prescrita pelo médico, pois existem contraindicações. As principais contraindicações do usa da cinta modeladora são:

  • Pacientes pneumopatas;
  • Pacientes com pressão alta;
  • Obesos e obesos mórbidos;
  • Alérgicos ao material da cinta;
  • Pessoas com tendência a tromboses;
  • Pessoas com menos de 18 anos.
como limpar o whatsapp

Como limpar o WhatsApp e abrir espaço no smartphone

famosas que radicalizaram o cabelo

10 Famosas brasileiras que radicalizaram no visual dos cabelos