em

Saiba que a cerveja pode prevenir infartos femininos! Estudo comprova!

Beber cerveja com moderação pode ser muito benéfico, sobretudo se você for mulher. Saiba que existe um estudo que comprova que esta bebida previne eventuais infartos femininos!

As bebidas alcoólicas, quando o assunto é dieta alimentar, são normalmente um dos pontos mais polêmicos, pois não ajudam na perca de peso, por exemplo, nem têm grande estímulo para a saúde, em geral. Contudo, o problema maior delas por vezes é que quem as bebe, gosta de beber em demasia.

Nos dias de hoje, existem certas bebidas alcoólicas que, quando tomadas de forma mais moderada, podem ter alguns benefícios para o organismo. É claro que, esta dica aplica-se apenas a pessoas que não tenham nenhuma doença incompatível com a toma de álcool. Na verdade, este é realmente um tema sensível, sobre o qual deve conversar com o seu médico habitual.

Deste modo, estudos como o que vamos apresentar a seguir, podem causar espanto. Se você gosta de tomar um chope, por vezes, com amigos, ao final do dia, numa esplanada, perto da praia, para relaxar e ter uma conversa agradável, saiba que não estará, de todo, a fazer algo muito ruim. Se é mulher, vai ficar a saber que, uma cerveja fresquinha para aliviar o calor, uma ou duas vezes por semana, pode ser um gesto considerável, que contribui para prevenir o risco de infartos. Não acredita? Então, leia o que vamos partilhar, de seguida.

Estudo comprova que a cerveja combate o infarto

cerveja-prevene-infarto-mulheres

Ora, foi realizado um estudo por investigadores suecos da Sahlgrenska Academy, que pertence à Universidade de Gothenburg, na Suécia. De acordo com esta pesquisa, as mulheres que tomam cerveja, uma ou duas vezes semanalmente, podem ver as suas chances de ter um infarto reduzidas para 30% ao longo da sua vida, em relação àquelas que tomam a bebida em excesso ou àquelas que pura e simplesmente não a tomam. Curioso, não acha?

Contudo, da pesquisa também saiu outra conclusão: mulheres que consumam bebidas destiladas, mais do que duas vezes por mês, incidem em mais 50% de risco de contrair câncer. O que é bem preocupante! Esta pesquisa saiu em publicação na revista de ciências, “Journal of Primary Health Care”.

Este estudo foi realizado durante 50 anos e, entre 1968 e 2000, ou seja, durante 32 anos da pesquisa, 1,5 mil mulheres foram convidadas a completar um inquérito sobre doenças que tivessem tido e que tipo de consumo tinham em relação a bebidas, tais como a cerveja, destilados e vinho.

Outros indicadores do estudo

Foi possível analisar mais algumas estatísticas através desta pesquisa sueca, nomeadamente: da amostra das mulheres do estudo, 185 sofreram de infartos, 160 eram diabéticas, 345 padeceram com câncer e 162 tiveram derrames.

Bem, já sabe que não pode se sentir culpado cada vez que decidir tomar uma cerveja. Faça é um consumo regrado e consciente. Em caso de dúvida por causa de algum sintoma, contate o seu médico especialista!

https://www.youtube.com/watch?v=zZnUqUGjd54

35 Comments

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Remova pelos faciais para sempre com esta receita de 15 minutos!

Saiba que o WiFi pode estar gerando uma doença moderna!