em

Câncer de boca se espalhou para o pescoço após erro médico

A jovem de apenas 21 anos tem um grande caminho de recuperação pela frente

Crédito: Daily Mail

Durante a higiene bucal, às vezes, as pessoas se deparam com pequenas feridas e logo pressupõe que se trata apenas de aftas ou pequenas úlceras. Em razão disto, as pessoas nem se preocupam em procurar uma segunda opinião médica. Foi exatamente essa a reação de uma inglesa de apenas 21 anos, que foi descobrir mais tarde que as úlceras era na verdade câncer de boca. E pelo tempo que a jovem demorou para descobrir, o câncer da boca se espalhou para o pescoço.

Entenda a história

A jovem é Millie Murphy, da região de South Yorkshire na Inglaterra e estava sofrendo com o que acreditava serem úlceras na boca por três meses. Em abril de 2018, Millie recebeu a notícia de que na verdade ela sofria de um tipo raro de câncer. Como o diagnóstico demorou muito para ser feito, o câncer de Millie já tinha-se espalhado pela garganta e por 70% de sua língua.

Câncer de boca se espalhou para o pescoço após erro médico história
Crédito: Daily Mail

A gravidade de seu câncer se deu ao fato de que o primeiro médico que a examinou não percebeu os sinais de que se tratava de um câncer. Millie continuou a frequentar o mesmo médico, que mesmo sabendo das queixas da jovem a ignorou.

Millie só foi descobrir a gravidade de sua condição após uma visita ao seu dentista, nesse momento o câncer já tinha crescido quase três vezes do tamanho inicial. Na época, a inglesa sofria muitas dores e suas feridas sangravam, mas o seu primeiro médico ignorou todos esses sintomas.

Câncer de boca se espalhou para o pescoço após erro médico entenda
Crédito: Daily Mail

Seu tratamento foi muito agressivo devido ao tamanho do câncer. Ela foi submetida a uma cirurgia de emergência, na qual teve um quarto de sua língua retirada. Além de quimioterapia, radioterapia e uma traqueostomia para poder respirar. Millie também teve que tirar pele de seu braço para a realização de um enxerto na boca. Ela resolveu congelar seus óvulos, já que a quimioterapia e a radioterapia podem impedi-la de ter filhos no futuro.

Em agosto no mesmo ano, Millie recebeu a triste notícia que seu câncer tinha-se espalhado para o outro lado de seu pescoço e para veia jugular. Mesmo com todas as dificuldades que teve, ela recebeu muito amor e apoio de sua família e amigos. No início ela sentiu vergonha de sua condição, mas agora deseja trabalhar conscientizar as pessoas sobre o câncer de boca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

Mulher ignorou nódulo no estômago por 13 anos e ele cresceu 4 kg

Mulher ignorou nódulo no estômago por 13 anos e ele cresceu 4 kg

Benefícios da aromaterapia para ansiedade