em

Como fazer bordados à mão

Dicas úteis para iniciantes apaixonadas por vários tipos de bordados.
bordados à mão
Crédito: Pixabay

Fazer bordados à mão é uma arte que alguns levam como hobby e outros como profissão. Se você acha esse tipo de artesanato muito bonito e gostaria de aprender, chegou a hora. Veja dicas valiosas sobre os materiais e pontos iniciais de bordado livre, bordado de pedraria, bordado em vagonite, ponto russo, bordado com fita e bordado relevo.

Bordados à mão para principiantes

Alguns tipos de bordados à mão são mais fáceis do que parecem, de tão bonitos que ficam os resultados finais. Veja a seguir o que vai precisar para cada tipo e como começar. Escolha seus favoritos e comece a treinar com paciência até pegar a prática.

1. Bordado livre

O bordado livre é um dos tipos de bordados à mão mais simples. Porém o tecido do bordado livre não tem marcações para saber onde fazer cada ponto nem para que fiquem do mesmo tamanho. Então precisa ter certa noção de espaço e usar a criatividade com os pontos que já conhece.

Materiais

Agulha para bordado igual à de ponto cruz: 1 unidade;
Tecido de retalho fino e sem estampa: 1 pedaço para treinar;
Tesoura pequena de ponta fina: 1 unidade;
Meada de linha de ponto cruz: 1 unidade;
Carbono para tecido: 1 unidade;
Caneta: 1 unidade;
Risco do desenho escolhido impresso: 1 unidade.

Modo de fazer

1. Comece transferindo o desenho para o tecido. Para isso, coloque sobre a sua bancada de trabalho primeiro o tecido, depois o carbono e por cima dele a folha com o desenho impresso. Prenda as 3 camadas com alfinetes para que não escape e o desenho fique torto.

fazer bordado livre primeiro passo

2. Contorne o desenho com a caneta, fazendo riscos firmes, mas cuidando para não furar o papel.

fazer bordado livre segundo passo

3. Depois retire os alfinetes, o papel, o carbono e vai ver que o desenho já estará no tecido.

fazer bordado livre terceiro passo

4. Corte um comprimento da linha, passe pela agulha e dê um nozinho na ponta. Use 2 dois 6 fios da meada.

fazer bordado livre quarto passo

5. Fure com a agulha o tecido começando do lado avesso para o direito em uma parte onde vai iniciar o desenho.

fazer bordado livre quinto passo

6. Depois é só ir contornando o desenho com a agulha. Vá enfiando a agulha à frente e depois no lugar onde o ponto anterior foi feito, como se voltasse para trás. Sempre saia com a agulha no furinho exato onde terminou o ponto anterior, para que não sobre nenhum espacinho entre eles. Procure fazer os pontos todos do mesmo tamanho.

fazer bordado livre sexto passo

fazer bordado livre setimo passo

fazer bordado livre oitavo passo

7. Continue acompanhando o risco e fazendo isso até o desenho ou a linha acabarem.

fazer bordado livre nono passo

8. Para finalizar passe a agulha para o lado avesso depois que fizer o último ponto, passe a linha por cima de um ponto já feito para firmar e dê um nozinho. Essa é a base para o ponto livre. Agora é só continuar treinando e começar a usar outros pontos junto com esse.

fazer bordado livre decimo passo

Crédito das Imagens: Linhas Imaginárias

2. Bordado de pedraria

Se você deseja dar um toque especial para suas peças de roupa, seja com desenhos estampados, golas ou punhos mais sofisticados, pode fazer bordados à mão com pedrarias. Antes de começar a bordar, deve planejar que tipo desenho vai fazer e quantas pedras de cada tipo vai precisar. Para isso, deve conhecer o tamanho e modelos das pedras nas lojas de armarinhos. Veja os materiais básicos.

Materiais

Tesoura pequena de ponta fina: 1 unidade;
Agulhas: 3 unidades (nº 12 mais fina, nº 07 mais grossa e nº 24 que é agulha de bordado com ponta arredondada para peças com forro);
Pedaço de retalho para colocar as pedras em cima: 1 unidade;
Pedrarias: quanto for necessário;
Linha 100% poliamida gramatura 60: quanto for necessário.

Modo de fazer

1. O primeiro passo para o bordado de pedraria é igual ao do ponto livre, pois você deverá passar um desenho para o tecido que quiser bordar;

2. Depois escolha a agulha de acordo com o tamanho da pedraria. Coloque a linha na agulha normalmente e faça um primeiro arremate começando pelo avesso do tecido;

3. Em seguida, encaixe uma pedraria na agulha e faça um ponto, como se estivesse fazendo um ponto livre até que a pedraria passe por toda a agulha e a linha e fique posicionada sobre o tecido. Repita o processo com outras bolinhas até finalizar a etapa do seu desenho.

Confira no vídeo abaixo um passo a passo para fazer um moletom com vários desenhos estilizados. Assim já aprende diversas formas de bordado de uma só vez.

3. Vagonite

O vagonite é o nome do tecido usado para esse bordado. Usa-se linha e o método é bem simples. Os desenhos feitos são em formatos mais retos, geométricos, pois segue as linhas do tecido.

Se está sem ideia, veja esses 23 riscos para bordar.

Materiais

Faixa de tecido étamine 10cm x 50cm: 1 unidade;
Linha Cléa Círculo: 4 novelos com cores diferentes;
Alfinetes: quantos forem necessários para marcar o tecido;
Agulha de bordado com ponta arredondada: 1 unidade;
Gráfico do desenho que desejar fazer: 1 unidade.

Modo de fazer

1. Comece fazendo a marcação de onde será o centro do bordado para que ele fique reto no tecido;

2. Vá colocando os alfinetes no tecido de acordo com a número de casas que está no gráfico. Se preferir, pode fazer o mesmo processo de transferir o desenho para o tecido, assim como feito nos tipos de bordados anteriores;

3. Depois, corte 2 metros de linha, dobre ao meio e passe a parte dobrada pela agulha.

Agora confira no vídeo abaixo como observar a quantidade de casas no seu gráfico e fazer a passagem da agulha pelas casinhas do vagonite para formar o seu desenho:

4. Ponto Russo

O ponto russo é especialmente usado para fazer enxoval de criança e quadrinhos decorativos por conta do efeito fofinho formado pelas linhas. Para esse tipo dos bordados à mão, você vai precisar de uma agulha mágica. Veja os materiais necessários e confira no vídeo o passo a passo para começar.

Materiais

Linha para ponto russo: 1 rolinho;
Peça que será bordada: 1 unidade;
Agulha mágica: 1 unidade;
Tesoura com ponta fina: 1 unidade;
Lápis: 1 unidade;
Papel carbono para tecido: 1 unidade;
Bastidor para bordado: 1 unidade;
Pincel: 1 unidade;
Termolina leitosa: 1 unidade;
Passador: 1 unidade;
Gráfico do desenho que desejar: 1 unidade.

Modo de fazer

1. Depois de estar com todos os materiais separados, coloque o tecido preso no bastidor;

2. Então, faça o processo de transferir o desenho para o tecido, como ensinado lá no início no ponto livre. O desenho deverá ser transferido no avesso do tecido e de forma espelhada;

fazer ponto russo bastidor

3. Passe a linha pela agulha mágica deixando uma sobra na ponta. Faça um nó e comece a perfurar o tecido, ponto a ponto, mantendo o mesmo espaçamento entre cada um. Arremate ao final;

fazer ponto russo contorno

4. Mude a cor da linha de acordo com o seu desenho e faça o preenchimento.

fazer ponto russo preenchimento

Agora confira no vídeo abaixo todo o processo de como utilizar a agulha mágica e as dicas de detalhes e acabamentos:

Crédito das Imagens: Artesanato Passo a Passo Já.

5. Bordado em vagonite com fita

O bordado com fita é outro modelo de bordados à mão que possui diferentes técnicas e níveis de dificuldade conforme você vai pegando prática. A base desse bordado é a mesma do vagonite com linha. A diferença é que no lugar da linha você usa as fitas de cetim. Outra diferença é que para a fita passar nas casinhas do tecido, ele precisa ser aberto. Então, veja o que vai precisar e confira no vídeo o passo a passo:

Materiais

Tecido étamine: 1 pedaço de acordo com o tamanho do seu desenho;
Tesoura com ponta curva: 1 unidade;
Agulha para bordado: 1 unidade;
Alfinetes: de acordo com o desenho;
Fitas de cetim: de acordo com o desenho.

Modo de fazer

O método do bordado com fita em vagonite é muito simples. Confira o passo a passo de um modelo no vídeo a seguir:

6. Bordado em relevo (3D)

Assim como o tipo de bordado com fita, existem diversos métodos para se fazer bordados à mão com efeito 3D, em que a linha fica com um volume parecendo estar repousada sobre o tecido. Confira agora alguns desses métodos mais simples, em um único vídeo, para treinar na mesma peça.

Redigido por Priscilla Riscarolli

Graduada em Comunicação Social, decidiu trocar as campanhas publicitárias pela produção de conteúdo para inspirar as pessoas a enriquecerem suas vidas com mais informação, bem-estar e criatividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0
Comentários

comentários

riscos para bordar
23 Ideias de riscos para bordar à mão
Se esta feliz nao precisa contar a ninguem
Se está feliz não precisa contar a ninguém