Bolinhas de sangue na pele
Crédito: Freepik
em

Bolinhas de sangue na pele: o que são, por que acontecem e o que fazer

Mais comuns em pessoas acima dos 30 anos, elas podem ser um tanto incômodas

Mais comum em pessoas acima dos 30 anos, as bolinhas de sangue que aparecem na pele podem ser incômodas para algumas pessoas. Isso porque, além do fator estético, elas podem estourar e sangrar, manchando roupas ou causando um certo constrangimento. Apesar disso, não há com o que se preocupar, sendo uma lesão benigna. Entenda melhor o que são as bolinhas de sangue e como tratar.

O que são?

bolinhas vermelhas na pele o que pode ser
Crédito: Reprodução Quora

Essas bolinhas também podem ser chamadas de angiomas rubis ou nevos, sendo muito mais comuns do que você imagina. São elevações na pele, normalmente uniformes, de cor vermelho escuro e brilhantes. Seu formato é circular, sendo, em geral, de pequeno diâmetro e macias ao toque. Quando pequenas, são facilmente confundidas com pintas.

Por que acontecem?

Se seus ancestrais costumam ter essas bolinhas, é mais fácil que você desenvolva também, pois há uma alta influência genética. Elas também surgem por causa do clima, uso de químicos mais agressivos e até gravidez. Mas não há com o que se preocupar, pois elas são somente um grupo de vasinhos bem finos da pele que se agruparam, formando essa elevação.

O que fazer?

Você pode optar por deixar como está, pois não oferece risco algum à saúde, apesar de aumentar o diâmetro com o passar do tempo. Se ela estiver em regiões de atrito, como axilas, por exemplo, pode ser interessante retirar.

A eliminação é feita através da cauterização ou uma pequena remoção, com poucos pontos. Veja o que a dermatologista Cínthia Orasmo tem a dizer sobre as bolinhas de sangue e tire suas dúvidas.

Homem carrega cachorro nas costas para evitar que ele queime as patinhas

Homem carrega cachorro nas costas para evitar que ele queime as patinhas

limpar cortina de banho

7 Dicas de como limpar a cortina do box e mantê-la impecável