Aposentada cria linha de lingerie para mulheres acima dos 50 anos
Crédito: Instagram Recco Lingerie
em

Aposentada cria linha de lingerie para mulheres acima dos 50 anos

É sempre tempo para se sentir bonita, bem vestida e sexy

Nada como se sentir bem com sua imagem, independente do formato do corpo ou da sua idade. Muitas mulheres escolhem seu look para o dia a dia com capricho, pensando em todos os detalhes. E você já reparou que tem um ponto, que ninguém vê, mas que faz toda a diferença na autoconfiança? Foi pensando nisso que uma aposentada criou uma linha de lingerie para mulheres acima dos 50 anos.

Mais do que simples calcinha e sutiã, ela é a base para a construção do visual, podendo ajudar ou atrapalhar naquele resultado esperado. Se a calcinha estiver muito apertada, pode marcar a roupa, por outro lado, se for muito grande, pode aparecer por fora da peça. O sutiã então nem se fala. O papel dele vai muito além da estética, sendo fundamental para o conforto.

Conheça a coleção de lingerie para mulheres acima dos 50 anos

Ela quer ajudar milhões de mulheres a saírem da invisibilidade, por isso “cada peça da coleção deveria estar falando: você está aqui, você pode, você tem direito,você tem mais uma vida a ser vivida, que é linda e pode ser a melhor de todas as vidas”. Quer saber quem é esse mulherão? Pois conheça Helena Schargel, empreendedora de 79 anos que está fazendo a diferença.

Helena estava cansada de encontrar somente as mesmas peças chatas em lojas de roupas íntimas, então decidiu criar a sua própria. Contando hoje com mais de 600 funcionários, ela já está na segunda coleção de lingerie para mulheres acima dos 50 anos. São peças interessantes, coloridas, criativas e confortáveis.

Ela trabalhava como design de roupas e tinha se aposentado há um ano. Cansada de ver como as peças para mulheres maduras eram sem graça, decidiu apresentar uma proposta à marca de roupas íntimas brasileira Recco. Como contrapartida, queria ser a garota propaganda e com absolutamente nada de photoshop: era a mulher real desenhando e vestindo como e para a mulher real.

Passando por diversos programas de televisão e super famosa na internet, ela está buscando promover não uma marca, mas um novo olhar. Uma visão diferente da mulher madura, da sua sexualidade e visibilidade. Além disso, mostrar a todas as mulheres que elas podem e devem se amar e se cuidar, com peças bonitas e confortáveis. Veja o que ela disse no TED Talks.

Se amar e realçar as suas belezas, independente da idade, formato do corpo ou qualquer padrão esperado (e que pode ser modificado) é não ter vergonha de ser você. É aceitar que é única e especial, merecendo mais do que o basiquinho. Então faça como Helena e olhe além, aceite a beleza natural e se redescubra a cada dia!

Benefícios do iogurte desnatado para a saúde

arroz à parmegiana

Experimente fazer arroz à parmegiana com essas 10 receitas